QUEM LÊ FICA SABENDO.

June 29, 2017

Parlamento Europeu pede suspensão de acordo entre Mercosul e UE

Deputados do Parlamento Europeu pediram, na terça-feira (27), a suspensão das negociações de acordo comercial da União Europeia (UE) com o Mercado Comum do Sul (Mercosul) por conta à crise política no Brasil.
Os parlamentares encaminharam uma carta à Federica Mogherini, alta representante da UE para Assuntos Exteriores e Segurança. O acordo começou a ser negociado em 1999.
No documento, é citado o caso da delação do empresário da JBS, Joesley Batista, envolvendo o presidente golpista, Michel Temer (PMDB), na Operação Lava Jato.
Miguel Urbán, porta-voz do Podemos na Europa, afirmou que é “absolutamente inaceitável que a Comissão Europeia continue com as negociações de um acordo de comércio com o Mercosul sem considerar a grave situação de direitos humanos no Brasil e subordinando os direitos humanos aos interesses comerciais da Europa”.
Os deputados também falam sobre as violações de direitos de manifestantes no Brasil para argumentar que o acordo de comércio com o bloco econômico latino-americano torna-se “inaceitável”. Para eles, o prosseguimento do acordo subordina o Direito Internacional dos Direitos Humanos aos interesses econômicos e comerciais da União Europeia.
Os 22 deputados que assinam o documento pedem, ainda, que a Comissão Europeia exija das autoridades brasileiras a continuidade das investigações relacionadas aos atos de violência e violação dos Direitos Humanos contra camponeses sem terra, indígenas, quilombolas e assentados.(BNews)
Compartilhar:
← Newer Post Older Post → Home

PUBLICIDADE

Publicidade

PUBLICIDADE


PUBLICIDADE



PUBLICIDADE


Seguidores

Matéria do dia.

TCU paralisa reforma agrária no País após identificar 578 mil beneficiários irregulares

O Tribunal de Contas da União (TCU) determinou a paralisação imediata do programa de reforma agrária do Incra em todo o País. A medida caut...

Contato Rápido

Contato Rápido

Mais Postagem

Total de visualizações