QUEM LÊ FICA SABENDO.

September 3, 2017

Presidente do Paraná explica demissão de Lisca: chegou a acontecer a agressão

Na manhã deste sábado (03) a diretoria do Paraná Clube surpreendeu a todos e anunciou a demissão do técnico Lisca, horas antes da equipe disputar a semifinal da Copa da Primeira Liga, contra o Atlético-MG. Segundo informações de dirigentes do clube, esse desligamento aconteceu devido a uma série de problemas que teriam sido ocasionados pelo ex-treinador.
 
De acordo com o presidente do clube, Leonardo Oliveira, a gota d’água foi uma briga entre Lisca e o auxiliar técnico Matheus Costa, na noite de sexta-feira (1º), onde os dois teriam chegado às vias de fato.
 
“Não foi apenas um fato. Foi um dia muito ruim ocasionado por uma situação que acabou com uma falta de respeito tremenda ao Paraná Clube. Isso nos expôs, expôs os atletas e foi presenciado por várias pessoas e por todos os nossos atletas. A falta de respeito é que decidiu. Chegou a acontecer a agressão e isso é o que resume o fato”, afirmou o dirigente.
 
O presidente ainda afirmou que não há volta para essa decisão. “Depois que perde o respeito não tem mais volta. Quando a gente briga no trabalho e chega a vias de fato, fica difícil dessa relação se restabelecer”.
 
A assessoria do treinador divulgou uma nota negando que tenha havido agressão e apontando a sua versão dos fatos. “Venho a público esclarecer que jamais agredi o auxiliar Mateus Costa, como divulgado pelo clube. O que ocorreu foi um desrespeito profissional da parte do mesmo. Mateus estava ministrando um treinamento com o grupo de jogadores, na véspera da partida decisiva contra o Atlético-MG, sem o meu conhecimento”, dizia a nota.
 
No campo, o Atlético-MG venceu o clube paranaense por 1 a 0, e ficou com a vaga na final da Copa da Primeira Liga. Neste domingo (03), Londrina e Cruzeiro decidem quem fica com a outra vaga.  Galáticos Online 
 
Compartilhar:
← Newer Post Older Post → Home

PUBLICIDADE

Publicidade

PUBLICIDADE


PUBLICIDADE



PUBLICIDADE


Seguidores

Matéria do dia.

TCU paralisa reforma agrária no País após identificar 578 mil beneficiários irregulares

O Tribunal de Contas da União (TCU) determinou a paralisação imediata do programa de reforma agrária do Incra em todo o País. A medida caut...

Contato Rápido

Contato Rápido

Mais Postagem

Total de visualizações