Acusado de matar sargento da PM morre em confronto com a polícia no bairro de Águas Claras

Na madrugada deste sábado (26), policiais militares entraram em confronto com criminosos no bairro de Águas Claras, em Salvador. Segundo informações da polícia, por volta de 1h30, guarnições da Rondesp Central realizavam rondas na Rua 7 de Setembro, quando foram alvos dos disparos de cerca de oito homens armados. 
Durante tiroteio, a maioria dos suspeitos conseguiram fugir e um foi baleado, sendo identificado em seguida como Cleiton Cavalcante Mesquita, vulgo 'Galego', apontado como um dos autores da morte do sargento da PM Mário Correia da Silva Filho. O crime ocorreu em março, quando o militar foi encontrado morto dentro de um carro carbonizado no bairro de Cajazeiras. 
O suspeito baleado foi socorrido pelos policiais para o Hospital Eládio Lasserre, em Cajazeiras, mas não resistiu aos ferimentos. Com ele foram encontrados uma mochila, um revólver calibre 38, munições, 55 papelotes de maconha, 36 pedras de crack, sete papelotes de maconha prensada, 31 pinos de cocaína, três facas, R$ 147 em espécie, além de embalagens para drogas.
Cleiton é suspeito de diversos crimes na região. Nas redes sociais, ele aparece em fotos comemorando a morte de rivais. Em uma das imagens que circulam na web, Galego segura a cabeça de uma vítima.  (BN)

Escrito por Folha de Noticias SAJ

Seu Portal informativo, aqui você bem informado.