Partidos querem derrubar verba de fundo eleitoral para candidatas

Dez partidos da base e da oposição ao governo se articulam para derrubar a destinação de 30% do fundo eleitoral para candidatas mulheres, fatia que equivale a R$ 515 milhões do total de R$ 1,7 bilhão. 
Segundo a Coluna do Estadão, do jornal O Estado de S. Paulo, a ideia é acionar o Supremo para que a medida só seja aplicada a partir das eleições de 2020 e não já no pleito deste ano. 
Outra alternativa, de acordo com a publicação, é votar no Congresso projeto que adie a vigência da norma do TSE. A aprovação é dada como certa com base na matemática. 
Na Câmara, são 45 mulheres ante 468 homens; no Senado, são 13 contra 68. / Por: Jane de Araújo/Agência Senado

Escrito por Folha de Noticias SAJ

Seu Portal informativo, aqui você bem informado.