Dirigentes petistas defendem que partido endureça em negociação com PSB

Os dirigentes do PT que pregam que a legenda endureça as negociações com o PSB para as eleições presidenciais em troca de apoio à aliança em Pernambuco dizem que a troca só compensa com a retirada da pré-candidata Marília Arraes da disputa pelo governo do estado.
De acordo com a colunista Mônica Bergamo, do jornal Folha de S.Paulo, a saída dela e a adesão a Paulo Câmara (PSB) pode significar "o fim" do PT em Pernambuco. O PSB nacional tem tentado fazer apenas trocas regionais. (BN)

Escrito por Folha de Noticias SAJ

Seu Portal informativo, aqui você bem informado.