Ministério da Justiça gasta R$ 50 mil só com passagens e diárias de 3 servidoras para 6 dias

O ministro da Justiça, Torquato Jardim, fez uma viagem para Genebra, na Suíça, do dia 7 ao dia 12 de julho, que custou mais de R$ 50 mil só com passagens e diárias pagas para as três servidoras que o acompanharam, de acordo com a colunista Mônica Bergamo, do jornal Folha de São Paulo. Em 2017, uma portaria assinada por Jardim suspendia “todas as viagens nacionais e internacionais devido a restrições orçamentárias”. 
Ainda segundo a publicação, a pasta diz que o documento era adequado à realidade daquele momento. E que o ministro “representou o Brasil na ONU, onde participou, a convite, da reunião da Conferência das Nações Unidas sobre Comércio e Desenvolvimento”. Por: Folhapress

Escrito por Folha de Noticias SAJ

Seu Portal informativo, aqui você bem informado.