Neto teme derrota de Alckmin para Haddad, diz jornal

O presidente nacional do DEM, ACM Neto, teme que o pré-candidato ao Palácio do Planalto pelo PSDB, Geraldo Alckmin, seja derrotado na corrida presidencial pelo ex-prefeito de São Paulo, Fernando Haddad (PT), caso este seja o candidato apoiado pelo ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT). A informação é do site do jornal Valor Econômico.
Ainda segundo a publicação, o gestor soteropolitano tem 'extrema desconfiança' no potencial eleitoral do pré-candidato tucano. No jantar realizado com Alckmin e partidos de centro nesta quarta-feira (4), ACM Neto e Ciro Nogueira, presidente nacional do PP, foram os primeiros a deixar o local do encontro. Para os dois dirigentes, a definição do bloco para a corrida presidencial só deve ocorrer depois da Copa do Mundo, ou seja, após o dia 16.
Participaram do jantar caciques de partidos como DEM, PP, PSDB, PRB, PSC e SD. A pesquisa qualitativa feita pelo DEM mostra que o ex-governador de São Paulo enfrenta uma rejeição de 60% entre o eleitorado, enquanto Lula tem um índice de 52%. No estudo, também ficou constatado que o PSDB e Alckmin possuem um nível de desgaste considerado irreversível.
O quadro negativo para os tucanos será usado como argumento no DEM para tentar convencer os demais partidos do centro de que Ciro Gomes (PDT) é um nome mais viável para apoiar.
Notícia relacionada:
Em jantar, Alckmin não consegue convencer DEM, PP, PRB, SD e PSC que tem viabilidade eleitoral   (BN)

Escrito por Folha de Noticias SAJ

Seu Portal informativo, aqui você bem informado.