SAJ: gerente da ADAB pede que população denuncie o abate clandestino, “É dever de todos”

O gerente da ADAB fala da importância de denunciar abate clandestino. Em contato com o repórter Sidney Silva, Luiz Geraldo frisou o dever que todos têm no combate ao abate clandestino. “Desde que a Portaria 304 foi implantada, a gente vem tendo um trabalho insano de combater o abate clandestino, mas a gente não tem como fazer a fiscalização de 14 municípios que compõem a gerência de Santo Antônio de Jesus, por isso é necessário que as pessoas denunciem. Os nomes serão preservados, só vamos querer saber o local, dia e horário para que a gente peneje uma operação de fiscalização”, disse. De acordo com ele, a polícia civil e militar tem prestado apoio durante as fiscalizações. Ele ainda compara o abate clandestino ao tráfico de drogas e ressalta o dever do cidadão. “Todo mundo sabe que tem, mas não quer se envolver. O cidadão precisa entender que precisar se envolver, denunciar porque ele que é prejudicado. É dever de todos e obrigação da ADAB”, pontuou.

Escrito por Folha de Noticias SAJ

Seu Portal informativo, aqui você bem informado.