Criticada por omissão em protesto contra Bolsonaro e desafiada por Anitta, Ivete evita postagens no Instagram


Os últimos dias não têm sido fáceis para alguns dos mais conhecidos e aclamados artistas brasileiros. Diante da força da campanha #EleNão, movimento de parte da sociedade contra a candidatura de Jair Bolsonaro (PSL), que lidera as pesquisas para presidente, muitos fãs e admiradores passaram a cobrar um posicionamento de seus artistas prediletos.
Anitta foi bastante cobrada, resistiu por um tempo, mas neste domingo (23), após uma ação em parceria com Daniela Mercury, que já tinha se manifestado abertamente contra Bolsonaro, a funkeira enfim postou um vídeo em seu Instagram, com os comentários desativados, dizendo abertamente: "eu não apoio o candidato Jair Bolsonaro". O vídeo já tem 3.812.425 visualizações. Após ter sido desafiada por Daniela, Anitta ousou e desafiou as cantoras Ivete Sangalo, Preta Gil e Claudia Leitte a se pronunciarem. 
Os fãs também estão cobrando um posiconamento das três artistas. Ivete, por exemplo, não posta nada em sua conta do Instagram há quatro dias, quando participou da gravação do DVD de Dilsinho e postou um registro. Com muitas cobranças para aderir à campanha #EleNão, Ivete, que costuma fazer diversos posts em suas redes sociais, misteriosamente está mais reclusa nesse sentido. Há quem acredite que nesta terça-feira (25), a artista poste algo com relação ao The Voice, programa da Globo que ela participa como jurada. Se o fizer, certamente será cobrada pelos fãs para dizer se vai ou não aceitar o desafio de Anitta e aderir à campanha #EleNão
Sempre comedida em relação à política, Ivete costuma dizer que é uma forma de agir com responsabilidade em relação aos fãs, já que pode influenciá-los. Mesmo assim tem sofrido acusações nas redes sociais de que não quer se envolver para não prejudizer seus diversos e rentáveis contratos publicitários. Certo ou errado, o fato é que lhe convém a juazeirense se manifesta. Foi assim com relação à extinção da Reserva Nacional do Cobre e Associados (Renca), criada em 1984. À época, a artista postou o print de uma matéria, que inclusive citava o nome do presidente Michel Temer, e escreveu: "quanta notícia difícil de aceitar. Brincando com o nosso patrimônio? Que grande absurdo. Tem que ter um basta". Durante gravação de seu DVD em Trancoso, Ivete reclamou com o público que tentou fazer um protesto contra Dilma. Ironicamente, Ivete á uma política nata. Durante o Carnaval, a cantora faz firula para ACM Neto (DEM) e Rui Costa (PT) da mesma forma, vai da direita para a esquerda de forma rápida, e os políticos são só sorrisos com as brincadeiras.
Preta Gil e Claudia Leitte também não se pronunciaram. Ao contrário de Ivete, as duas fizeram posts recentes, porém não tocaram no assunto. Por: Reprodução

Escrito por Folha de Noticias SAJ

Seu Portal informativo, aqui você bem informado.