Lava Jato: PF apreende esculturas e mais de meia tonelada de esmeraldas na Bahia

Quatro dos cinco mandados de prisão expedidos na Lava Jato foram cumpridos na manhã de hoje (4), no desdobramento da Operação Câmbio Desligo batizado de Marakata.
Duas pessoas foram presas no Rio de Janeiro e outras duas na Bahia, na cidade de Campo Formoso. Durante a operação, foram apreendidas duas esculturas e 580 kg de esmeraldas no município que fica no norte baiano.
De acordo com a Polícia Federal, os agentes não encontraram um dos procurados na capital fluminense. Representantes do Ministério Público Federal (MPF) e a Receita investigam um possível esquema de evasão de divisas, sonegação fiscal com pedras preciosas de uma empresa que movimentou US$ 44 milhões no banco paralelo do doleiro Dario Messer, que segue foragido.
A empresa Comércio de Pedras O S Ledo LTDA exporta pedras preciosas, principalmente esmeraldas, para países como Índia e China. De acordo com o MPF, a companhia compra as pedras na cidade de Campo Formoso. Gilvan da Silva Diniz foi preso na cidade. O nome do outro preso não foi divulgado.
Fonte: M1
 
 

Escrito por Folha de Noticias SAJ

Seu Portal informativo, aqui você bem informado.