Marina pede ao TSE que investigue Bolsonaro por ataque a grupo de Facebook


A candidata à Presidência da República Marina Silva (Rede) ingressou com uma ação no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) contra Jair Bolsonaro (PSL). Segundo a Folha, a candidata pede que Bolsonaro seja investigado por “orquestração” de ataque hacker a uma página de mulheres contra o candidato no Facebook.
Marina alega na ação que, ainda que não se confirme a participação de Bolsonaro e de aliados no ataque, o candidato do PSL obteve vantagem eleitoral com o caso.
A candidata pede, ainda, para a Justiça Eleitoral investigar possíveis atos de abusos dos meios de comunicação e do poder político por Bolsonaro, seu filho Eduardo e o general Hamilton Mourão.  BNews

Escrito por Folha de Noticias SAJ

Seu Portal informativo, aqui você bem informado.