Polêmica em Mata de S. João: Gualberto “avisou” a Zé Ronaldo que apoiadores de Bolsonaro não subiriam ao palco


A pós a saia-justa durante um evento em Mata de São João, na última quarta-feira (19), em que o candidato ao Senado, Irmão Lázaro (PSC) foi impedido de subir no palanque, o presidente do PSDB na Bahia, deputado federal João Gualberto, confirmou ao BNews, nesta terça-feira (25), que avisou aos aliados, bem como o candidato ao governo da Bahia, José Ronaldo (DEM) e sua trupe, que não subiriam ao palco os apoiadores de Jair Bolsonaro (PSL). Gualberto contou ainda que não sabia da presença do candidato ao Senado, Irmão Lazaro (PSC), no evento.
“Primeiro que eu nem sabia que ele estava no evento. Pois avisei um dia antes, para justamente evitar constrangimento, de que não caberia no palco quem apoia Bolsonaro. Falei a Zé Ronaldo um dia antes, que se tinha alguém que não apoiasse o Geraldo (Alckmin) não entraria. Nós fazemos política por convicção, não por conveniência”, afirmou o tucano.
Gualberto ainda reforçou que não apoia ao Senado o candidato Celsinho Cotrim (PRTB). “Eu jamais apoiaria ele. Ele está com Bolsonaro”. Questionado então sobre seu apoio a Casa Alta do Congresso Nacional, o tucano retrucou: “Não poio ninguém ligado ao PT, nem a Bolsonaro”. 
Por: Reprodução//Redes sociais

Escrito por Folha de Noticias SAJ

Seu Portal informativo, aqui você bem informado.