Promotor acusa campanha de Zé Ronaldo de uso indevido de imagem


O promotor de justiça Edmundo Reis divulgou um vídeo em que anunciou a tomada de "medidas judiciais" para retirar do ar trechos do programa eleitoral do candidato a governador José Ronaldo (DEM). Na gravação veiculada na TV, voltada para as propostas na área de segurança, o promotor lamenta o "baixo efetivo policial e a falta de estrutura". "Hoje, nós temos aqui o que veio a ser chamado de 'novo cangaço'", disse na entrevista.

Reis afirma que a gravação foi feita em outro contexto, em que discorria sobre a segurança pública e o sistema prisional em seus “aspectos positivos e negativos”. Ele diz que não autorizou o uso de sua imagem em horário eleitoral. 
“Fomos surpreendidos com uma fala nossa em um programa eleitoral. Gostaríamos de esclarecer que aquela fala é oriunda de uma entrevista que concedemos para falar sobre aspectos técnicos sobre segurança pública e sistema prisional da Bahia. Naquela oportunidade discorremos sobre aspectos positivos e negativos bem como o contexto do Estado da Bahia no cenário nacional”, afirmou o promotor.
Ele afirma, também, que desconhecia o contexto da utilização da entrevista. “Em nenhum momento foi especificado o fim de colocação daquela fala ou de qualquer outra decorrente daquela entrevista em propaganda eleitoral, razão porque estamos tomando as providências para retirada dessa fala da propaganda eleitoral, até porque o Ministério Público, no nosso sentir, não deve se imiscuir em questões políticas e muito menos em campanhas político-partidárias".
A equipe de Zé Ronaldo ainda não se manifestou sobre o caso.
Assista aos vídeos:     Por: Reprodução

Escrito por Folha de Noticias SAJ

Seu Portal informativo, aqui você bem informado.