Árbitro diz que expulsou Neilton por palavrões e cita hostilização de auxiliar e diretor do Vitória


O árbitro Sávio Pereira Sampaio, do Distrito Federal, detalhou na súmula o motivo da expulsão do atacante Neilton, do Vitória, diante do Internacional. Segundo o juiz, o camisa 10 recebeu o vermelho por "proferir palavras de forma ofensiva, com dedo em riste e repetidamente". Depois do apito final, o jogador do Vitória foi até o juiz para protestar contra o pênalti mal marcado contra sua equipe.
Além da expulsão do atacante do Leão, Sávio citou o auxíliar técnico Rodrigo Carpegiani, que também levou o vermelho, e o diretor de Futebol Jorge Macedo. De acordo com ele, Rodrigo foi expulso da área técnica por palavrões, conduta incorreta e por empurrar o quarto árbitro pelas costas. Já o diretor de futebol teria ofendido o juiz com palavrões no túnel que dá acesso ao vestiário.
A confusão entre o zagueiro Ramon, do Vitória, e o atacante Jonatan Alvez, do Internacional, também foi pontuado na súmula.
Neilton vai desfalcar o rubro-negro diante do Santos, na próxima sexta-feira, no Barradão. Além dele, o volante Léo Gomes, que recebeu o terceiro cartão amarelo, também fica fora da partida.  Por: Redação Galáticos Online

Escrito por Folha de Noticias SAJ

Seu Portal informativo, aqui você bem informado.