Candidatos à Presidência se reúnem com católicos e evangélicos


O s candidatos à Presidência da República Jair Bolsonaro (PSL) e Fernando Haddad (PT) têm reuniões nesta quarta-feira (17), no Rio de Janeiro e em São Paulo, com representantes da Igreja Católica e dos evangélicos, respectivamente.
De manhã, Bolsonaro se encontra com o arcebispo do Rio, Dom Orani Tempesta, na sede da Arquidiocese, no bairro da Glória.
Também de manhã, Haddad tem encontro com pastores evangélicos, no Excelsior São Paulo Hotel, no centro da capital paulista.
O petista prepara uma carta  para ser entregue aos evangélicos em que vai se comprometer com a defesa da vida e dos valores da família.
O documento também seria um recado aos cristãos contra "mentiras veiculadas", além de uma oportunidade de abordar a "sua trajetória em respeito a todas as religiões". 
      
Haddad deve se comprometer a não tratar de temas morais, se eleito, deixando-os para o Congresso, como pedem os religiosos.

O objetivo é tentar resgatar o eleitor pobre e religioso que antes votava no PT, mas hoje apoia o capitão reformado. Segundo pesquisa Datafolha, cerca de 70% dos evangélicos hoje estão com Bolsonaro.   Agência Brasil

Escrito por Folha de Noticias SAJ

Seu Portal informativo, aqui você bem informado.