Diego Coronel descarta brigar pela presidência da AL-BA em 2019


Diego Coronel (PSD), eleito deputado estadual com a terceira maior margem de votos, afirmou que não entrará na disputa em 2019 pela Presidência da Assembleia Legislativa da Bahia (AL-BA), que hoje está sob o controle do seu pai, o deputado estadual e eleito ao Senado Federal Angelo Coronel (PSD).     
“Os 63 deputados têm a capacidade de assumir, só que eu não me coloco para ser candidato, não. Estou entrando agora, tenho que aprender como funciona. Conheço a estrutura da Casa, mas tenho muito que aprender”, antecipou durante entrevista ao programa Se Liga Bocão, na Itapoan FM, nesta terça-feira (9).
O pessedista estreante minimizou que tenha sido, particularmente, favorecido nas urnas pelo recall eleitoral do pai, tal como ocorreu com João Isidório (filho do deputado estadual e eleito federal Pastor Sargento Isidório (Avante) e Rogério Andrade Filho (filho Rogério Andrade, prefeito de Santo Antônio de Jesus). 
“Posso falar por mim, sou independente [...] quem estava na oposição teve uma votação abaixo do esperado, favoreceu todo mundo do grupo que estava na onda do 13. Foi fruto de um trabalho, não resta dúvida que ser filho de Angelo Coronel facilitou. Todos que estavam ao seu lado foram beneficiados”. BNews
 

Escrito por Folha de Noticias SAJ

Seu Portal informativo, aqui você bem informado.