Homem morre após disparos durante carreata pró-Haddad no Ceará


No sábado (27), um homem morreu após ser vítima de tiros durante uma carreata a favor do candidato à Presidência pelo PT nas eleições 2018, Fernando Haddad. Segundo o Estadão, o crime ocorreu na cidade de Pacajús, região metropolitana de Fortaleza, no Ceará. 
Charlione Lessa Albuquerque, de 23 anos, estava dentro de um carro quando os suspeitos se aproximaram em uma moto, efetuando os disparos e se retirando logo em seguida.
Ainda segundo a publicação, a Polícia Civil não confirma que o assassinato esteja relacionado a motivações políticas. Segundo a delegacia da Polícia Civil de Pacajús, o suspeito na moto seguiu o carro da vítima por algumas horas antes de realizar o crime. A vítima foi encaminhada para o Hospital Municipal de Pacajús, falecendo no local. A Polícia Militar informou que não pode revelar mais detalhes a respeito do suspeito e se a vítima estava acompanhada.
A assessoria de imprensa do PT no Ceará informou que foi notificada sobre a morte, mas não conseguiu confirmar se os disparos foram efetuados por um apoiador do candidato Jair Bolsonaro (PSL), ou se havia outra motivação. O diretório regional do partido deve divulgar uma nota sobre o caso ainda neste sábado.  Por: Reprodução

Escrito por Folha de Noticias SAJ

Seu Portal informativo, aqui você bem informado.