Yago nega que direção tenha prometido pagar "bicho" para evitar rebaixamento: "Não foi falado nada"


O Vitória tem um compromisso importante no próximo domingo (14) contra a Chapecoense, marcado para acontecer às 11h, na Arena Condá, em duelo válido pela 29ª rodada do Campeonato Brasileiro. O meio-campista Yago concedeu entrevista nesta terça-feira (10), na sala de imprensa do Barradão e falou sobre o "jogo de seis pontos".O 
"Acho que, como todo jogo decisivo, tem o seu lado emocional, preparação. A gente está tratando esse jogo como decisivo. Temos que sair de Salvador com alerta ligado. Confronto direto, jogo de seis pontos. Nosso grupo está preparado, tratando esse jogo como merece ser tratado", afirmou o jogador.
Yago também revelou que os jogadores se cobram e querem reverter essa situação negativa o mais rápido possível.
"Nosso grupo se cobra bastante, porque não aceita as derrotas. Uma coisa é perder e achar que está tudo bem. Outra coisa se indignar com a derrota, como tem acontecido. A gente nem tem dormido direito. E a gente não quer isso. A gente espera que isso possa acontecer o mais rápido possível", disse.
O camisa 77 foi questionado sobre um possível pagamento de "bicho" para o time permanecer na Série A e negou qualquer tipo de situação nesse sentido.
"Não foi falado nada. Até porque, quando está dentro de campo, esquece qualquer coisa. A gente quer o melhor para o Vitória, porque sabe da responsabilidade que é vestir essa camisa. Só o fato de usar essa camisa é uma responsabilidade enorme. A diretoria não falou nada, os jogadores também não falaram nada a respeito, porque estamos nos cobrando e nós temos que dar a resposta". 
Por: Redação Galáticos Online

Escrito por Folha de Noticias SAJ

Seu Portal informativo, aqui você bem informado.