Dinheiro na privada: advogado preso joga cédulas no vaso de casa com a chegada da PF


O advogado Mateus de Moura Lima Gomes, preso na Operação Capitu, jogou dinheiro na privada quando os agentes chegaram em sua casa, na região metropolitana de Belo Horizonte. A informação é do Antagonista.
De acordo com a PF, ele tentou se desfazer de cerca de R$ 3 mil reais. Na operação deflagrada nesta sexta-feira (9), foram cumpridos 16 mandados de prisão dos 19 expedidos. Entre os presos está o executivo da JBS, Joesley Batista. Por: Reprodução

Escrito por Folha de Noticias SAJ

Seu Portal informativo, aqui você bem informado.