PCdoB vai para o embate com o Podemos pela liderança da oposição na CMS


O PCdoB vai indicar um nome do partido para liderar a bancada de oposição na Câmara Municipal de Salvador, conforme confirmou o presidente municipal do partido Everaldo Augusto. Com isso, vai para o embate com o Podemos, cujo vereador Sidinho já havia afirmado ao BNews contar com o apoio do PT para liderar o bloco. 
De acordo com o dirigente comunista, a sigla tem como objetivo extrair desse processo a construção de uma alternativa democrática e popular para governar Salvador. 
“Levando em conta que estamos vindo de um processo eleitoral que traz questões importantes, como o prefeito ACM Neto ter sido o grande derrotado nas urnas e ter em sua gestão notícias de superfaturamento, a exemplo da acusação da chamada Máfia da Merenda, em São Paulo, em que a empresa Nutriplus Alimentação e Tecnologia Ltda venceu licitação da Prefeitura de Salvador no valor de R$ 25.345.152,00, para prestar serviço alimentar na escolas da capital baiana. Fatos como estes, que exigirão da oposição um papel importante nesse próximo período”, elencou.  
Com base nas considerações, Everaldo Augusto confirmou que o PCdoB vai oferecer seu pleito para liderar a oposição na CMS, de forma a buscar uma atuação da minoria "sintonizada com os interesses da cidade e não de partido”. 
“E a nossa previsão é de na próxima terça ou quarta-feira (12 ou 13) termos uma reunião com os partidos do grupo para apresentarmos um nome e discutirmos as principais tarefas da oposição, de maneira muito tranquila, democraticamente. Inclusive, abertos a avaliar o pleito de outro aliado. Só não podemos aceitar essa coisa de política de fato consumado”, frisou, sem deixar de alfinetar o Podemos. BNews

Escrito por Folha de Noticias SAJ

Seu Portal informativo, aqui você bem informado.