Sem alarde, senadores articulam votação da redução do alcance da Lei da Ficha Limpa


Os senadores colocaram na pauta desta terça-feira (13) a votação de um projeto de lei que prevê o alcance da Lei da Ficha Limpa. A ideia é permitir que políticos condenados antes de 2010, quando a lei foi criada, não sejam impedidos de disputarem cargos eletivos.
De acordo com a Coluna do Estadão, do jornal O Estado de S. Paulo, o ex-juiz Márlon Reis, um dos idealizadores da Ficha Limpa, considera o projeto um retrocesso. “A mudança praticamente anistia quem cometeu irregularidades antes”, afirma.
O requerimento de urgência para análise do projeto estava tramitando no Senado desde dezembro de 2017 e foi aprovado, sem barulho, no último dia 7. Agora, pode ser apreciado diretamente no plenário, sem passar por nenhuma comissão temática. Agência Senado

Escrito por Folha de Noticias SAJ

Seu Portal informativo, aqui você bem informado.