Suspeito de matar PM em Feira de Santana se entrega à polícia


Um dos suspeitos de assassinar o soldado da Polícia Militar Wagner Silva Araújo, de 27 anos, se apresentou à Polícia Civil na última terça-feira (27). Eduardo Jesus Evangelista, o "Dudu", que integrava o Baralho do Crime da SSP, compareceu ao Complexo de Delegacias do bairro Sobradinho acompanhado de um advogado. 
O crime aconteceu em 16 de junho deste ano. Ainda teriam participado Ramon dos Reis de Jesus e um homem identificado como "Javali", morto em confronto com a polícia. O PM foi morto quando saía de uma casa de shows e tentou impedir que duas pessoas fossem assaltadas pelos criminosos.
Eduardo estava com prisão preventiva em aberto e foi encaminhado para o Conjunto Penal de Feira após prestar depoimento. Ao delegado André Ribeiro, ele negou o crime. Entretanto, para o titular da Delegacia de Repressão a Furtos e Roubos (DRFR), "a história está mal contada, está montada". Com informações do site Acorda Cidade. /BNews

Escrito por Folha de Noticias SAJ

Seu Portal informativo, aqui você bem informado.