Cai o segundo presidente da Apex em apenas três meses de Governo Bolsonaro


    O Governo Bolsonaro demitiu o segundo presidente da Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (Apex) em menos de três meses. Quem caiu desta vez foi o embaixador Mario Vilalva. A exoneração saiu nesta terça-feira (9). Antes dele, Alex Carreiro chefiou a instituição por dez dias.
    O ministro das Relações Exteriores, Ernesto Araújo, exonerou Vilalva, mas ainda não anunciou o substituto. A relação entre os dois não era das melhores desde que o ex-presidente reclamou de pressões sofridas para deixar indicados de Araújo fazerem o que quiserem na agência.
    A Apex, que é vinculada ao Ministério das Relações Exteriores, tem como trabalho promover o Brasil no exterior através de seus produtos e serviços, além de atrair investimentos externos para setores estratégicos da economia brasileira.
    "Como parte do processo de dinamização e modernização do sistema de promoção comercial brasileiro, o ministro das Relações Exteriores, embaixador Ernesto Araújo, anuncia a exoneração do embaixador Mario Vilalva da presidência da Apex. O ministro das Relações Exteriores agradece a colaboração que o embaixador Mario Vilalva prestou à frente daquela agência nos meses iniciais da atual gestão", informou uma nota divulgada pelo Itamaraty. /Por: Divulgação 
     

    Escrito por folha

    Seu Portal informativo, aqui você bem informado.



      Comentário do Google+
      Cometários do Facebook

    0 comments:

    Post a Comment