João Roma é cotado para assumir "pasta bomba" do governo Bolsonaro


    Em meio às diversas polêmicas envolvendo o Ministério da Educação do governo Bolsonaro, o nome de um deputado federal baiano surgiu como alternativa, em caso de saída de Ricardo Vélez Rodríguez. Segundo informações da coluna Radar, da revista Veja, João Roma (PRB-BA) é um dos nomes cotados para tal "pasta bomba", que tem como favorito para assumir o senador Izalci Lucas (PSDB-DF).  
    De acordo com a publicação, Roma foi apresentado ao presidente Jair Bolsonaro como um plano B dos partidos do Centrão, e conta com apoio do presidente da Câmara, Rodrigo Maia, e do Senado, Davi Alcolumbre, além da Igreja Universal do Reino de Deus.
    Outro rumo para Roma pode ser substituir o líder do governo, Major Vitor Hugo (PSL-GO). Por causa das críticas recebidas pelo atual líder, a ideia agora é que seja escolhido  alguém de outro partido, não o PSL. Com isso, conforme o Estadão, aparece o nome do deputado baiano e de João Campos (PRB-GO), por ter bom trânsito na Câmara, mas os caciques da sigla resistem à escolha. (BNews)

    Escrito por folha

    Seu Portal informativo, aqui você bem informado.



      Comentário do Google+
      Cometários do Facebook

    0 comments:

    Post a Comment