Otto disse à Bolsonaro que "discussão de ideologia" não resolve nada


    O senador Otto Alencar (PSD) revelou ao BNews detalhes da reunião com o presidente Jair Bolsonaro (PSL), no Palácio do Planalto, realizada na última quinta-feira (4). Na reunião, estavam presentes o presidente nacional do PSD, Gilberto Kassab, o ministro-chefe da Casa Civil, Onyx Lorenzoni (DEM), entre outros. 
    "Não teve acordo nenhum por cargos, muito menos de reivindicação de ordem partidária ou pessoal. O que teve lá foi uma conversa franca a respeito das relações políticas do Palácio do Planalto com a Câmara e com o Senado. Que essa discussão de ideologia, se teve ou não golpe em 64, não resolve nada. Disse que é preciso resolver o programa de desenvolvimento econômico", conta. "Falei com ele claramente que a beligerância, essa situação de querela e discussão de ordem pessoal não leva a nada. Falei francamente com ele", completa.
    Otto também defendeu que o Planalto saia "dessa única e exclusiva chamada diária de Reforma da Previdência" e encontre uma "saída para o desenvolvimento econômico com emprego e renda". "E que, de alguma forma, que o tratamento com a classe política deveria ser um tratamento melhor, que essa situação de discussão não leva a nada. Disse à ele que nós do PSD vamos continuar de forma independente na base, que não queremos cargos na base do governo. Fui taxativo: disse 'presidente, quero que o Brasil dê certo'".  (BNews)

    Escrito por folha

    Seu Portal informativo, aqui você bem informado.



      Comentário do Google+
      Cometários do Facebook

    0 comments:

    Post a Comment