Acusado de assassinar PM nesta sexta-feira é baleado e também morre


    O homem acusado de matar o cabo da Polícia Militar, Juvanildo Paulino dos Santos, que reagiu a um assalto no ônibus, morreu em troca de tiros policiais da Gêmeos, sob comando do tenente Davi Simões.
    Equipes da Operação Gemeos encontraram, na tarde desta sexta-feira (30), o criminoso que matou um sargento da PM durante uma tentativa de assalto. O assaltante, apos acertar o policial, saiu da Jaqueira do Carneiro e foi abordado, no Calabetão.
    Guarnições da Gemeos que patrulhavam, na região, realizaram varreduras e flagraram o assaltante fungindo armado em direção ao Calabetão. Durante abordagem ele revidou e acabou atingido. As equipes prestaram socorro até o Hospital do Subúrbio, mas ele não resistiu. Um revólver calibre 38 e munições foram apreendidos. Por: Reprodução // Youtube

    Escrito por folha

    Seu Portal informativo, aqui você bem informado.



      Comentário do Google+
      Cometários do Facebook

    0 comments:

    Post a Comment