Aos 51 segundos, lutadora baiana detona Cris Cyborg e fica com dois cinturões do UFC


    O mundo parou por menos de um minuto. E, quando voltou a girar, o UFC tinha uma nova campeã dos pesos-penas. A baiana Amanda Nunes, que já detinha o cinturão dos pesos-galos da organização, fez história e se tornou a primeira mulher a deter dois cinturões do UFC ao nocautear ninguém menos que Cris Cyborg aos 51s do primeiro round em Los Angeles. Cyborg não perdia há 13 anos e um mês. Nada menos que 21 atletas haviam tentando derrotá-la sem sucesso. Até hoje.
    A luta começou de forma frenética, com as duas lutadoras buscando a trocação franca. Cyborg tomou a iniciativa da luta, mas Amanda Nunes mostrou que a sua precisão poderia fazer a diferença. Após receber um soco de raspão, Amanda acertou dois golpes que derrubaram Cyborg pela primeira vez. 
    A curitibana se levantou, mas uma série de golpes em sequência acabaram com o maior reinado do MMA feminino na história. Caída com o rosto no chão, Cris Cyborg não chegou a ver Amanda Nunes subir na parece do octógono já comemorando a sua vitória.  Por: Getty Images

    Escrito por folha

    Seu Portal informativo, aqui você bem informado.



      Comentário do Google+
      Cometários do Facebook

    0 comments:

    Post a Comment