Ministro do STF envia para Justiça Federal em Brasília processo por desvio de verba contra Fernando Torres


    O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Marco Aurélio Mello enviou para a Justiça Federal de Brasília um inquérito contra o ex-deputado federal Fernando Torres (PSD), suspeito de desvio de verba da cota parlamentar, falsificação de documento público e lavagem de dinheiro.
    A peça antes havia sido remetida para a primeira instância em Brasília, mas a procuradora-geral da República, Raquel Dodge, recorreu por entender que, como os recursos supostamente desviados saíram da Câmara, a Justiça Federal é quem deveria analisar o caso. 
    Em outubro de 2013, a Polícia Federal solicitou ao STF autorização para investigar Torres, que usou notas fiscais de duas empresas acusadas de integrar um esquema de corrupção e lavagem de dinheiro para pedir reembolso à Câmara: a MC Incorporação e a Gold Incorporação e Consultoria. Suspeita-se que ele e outros quatro deputados utilizaram as empresas para desviar recursos da cota parlamentar. As informações são da Coluna Satélite, do jornal Correio. (BNews)

    Escrito por folha

    Seu Portal informativo, aqui você bem informado.



      Comentário do Google+
      Cometários do Facebook

    0 comments:

    Post a Comment