Deputado baiano quer convocar ministro de Bolsonaro para explicar cortes na educação


    O coordenador da bancada baiana no Congresso Nacional, deputado federal Daniel Almeida (PCdoB), protocolou, nesta sexta-feira (3), um requerimento para convocar o ministro da Educação, Abraham Weintraub, para dar explicações na  Comissão de Trabalho, de Administração e Serviço Público a respeito do corte de 30% de verba para as universidades federais.
    "A educação brasileira tem sido manchete de noticias diária, dentre as quais remetem as mudanças no comando da pasta em apenas três meses de gestão. São inúmeros desencontros de informações, descontinuidades, ações que visam redirecionar investimentos da área de humanas para outras áreas da educação superior, numa verdadeira demonstração de declaração de guerra ao pensamento crítico, científico e a autonomia das Universidades", justifica o comunista no requerimento.
    O Ministério da Educação anunciou que cortar recursos de universidades que não apresentarem desempenho acadêmico esperado e, ao mesmo tempo, estiverem promovendo “balbúrdia” em seus câmpus. Três universidades já foram enquadradas nesses critérios e tiveram repasses reduzidos: a Universidade de Brasília (UnB), a Universidade Federal Fluminense (UFF) e a Universidade Federal da Bahia (UFBA).
    "Diante da gravidade e da ameaça que o conjunto das informações, caso se consolide, venha representar para a educação brasileira, para sociedade e para o mundo do trabalho é que propomos o referido requerimento de convocação do Ministro da Educação, Senhor Abraham Weintraub para expor sobre o plano de trabalho e metas do referido Ministério. Contando com o apoio dos nobres Pares, temos a certeza da aprovação do presente requerimento", finaliza Daniel. /BNews

    Escrito por folha

    Seu Portal informativo, aqui você bem informado.



      Comentário do Google+
      Cometários do Facebook

    0 comments:

    Post a Comment