Jaguaripe: MP denuncia ex-prefeito por enriquecimento ilícito e irregularidades em contratações


    A Justiça baiana aceitou uma ação de improbidade administrativa proposta pelo Ministério Público da Bahia (MP-BA) contra o ex-prefeito de Jaguaripe, cidade a 240 km de Salvador. O caso é analisado pela juíza Monique Ribeiro de Carvalho Gomes. As informações foram publicadas no Diário Oficial, nesta segunda-feira (6).
    De acordo com a publicação, Arnaldo Francisco de Jesus Lobo, conhecido como Nai, é responsável por irregularidades e atos de improbidade nas contratações de servidores durante suas gestões, inclusive com descumprimento de Termos de Ajustamento de Conduta firmados com o autor.
    Além disso, o MP-BA acusa o ex-gestor de “enriquecimento ilícito, lesão ao erário público e ofensa aos princípios da administração pública”, e solicitou a indisponibilidade dos bens.
    A juíza determinou a citação do réu por mandado, para apresentação de defesa, sob pena de revelia. Depois disso, o MP-BA terá 15 dias para manifestar-se sobre a contestação.
    A reportagem tentou contato com o ex-prefeito, que atualmente é secretário parlamentar do deputado Jurandy Oliveira (PP), na manhã desta segunda, mas não teve retorno. /Por: Reprodução / Toda Bahia

    Escrito por folha

    Seu Portal informativo, aqui você bem informado.



      Comentário do Google+
      Cometários do Facebook

    0 comments:

    Post a Comment