Mirela não acredita que secretários pediram exoneração em Lauro


    Para a deputada estadual Mirela Macedo (PSD), a secretária de Política para as Mulheres, Bárbara Chaves Martinez, e o secretário municipal de Saúde, Erasmo Alves de Moura, não pediram exoneração dos cargos na prefeitura de Lauro de Freitas. "Ela [Moema Gramacho] simplesmente exonerou, mas acho que quis fazer uma cortesia com eles", afirmou ao BNews nesta segunda-feira (6).
    Na semana passada, Erasmo afirmou, também em entrevista ao BNews, que a saúde de Lauro  foi "atingida por interesses políticos", como definiu." Erasmo foi secretário em uma pasta que teoricamente tem autonomia. Porém, ele nunca teve autonomia enquanto secretário. [...] 90% das licitações ocorreram na Secretaria de Administração", afirmou.
    Segundo Mirela, Moema que rompeu com o PSD, quando deu início às demissões de indicados da sigla. "Não existe relação com ela", disse. 
    No encontro municipal do PSD realizado na manhã desta segunda, o deputado federal Otto Alencar Filho brincou com a deputada estadual sobre a possibilidade de se candidatar à prefeitura de Lauro de Freitas. Questionada sobre o tema, ela minimizou. "Não tem nenhuma construção nesse sentido. Mas, claro que, quando as pessoas que estão à frente do PSD veem um nome forte do partido nos municípios querem estimular candidatura. Como este ano não vai ter a coligação na proporcional, é interessante que lancem seus candidatos", explicou. /BNews,

    Escrito por folha

    Seu Portal informativo, aqui você bem informado.



      Comentário do Google+
      Cometários do Facebook

    0 comments:

    Post a Comment