"Terror da Liberdade", Bruno 'Bruxo' é morto após reagir abordagem da polícia em Portão


    O criminoso Bruno Ramos Figueiredo, mais conhecido como Bruno "Bruxo", foi morto durante uma operação conjunta das polícias Civil, Militar e Federal, na manhã deste sábado (25), no bairro de Portão, em Lauro de Freitas, na Região Metropolitana de Salvador.
    "Dama de Espadas" do Baralho do Crime da Secretaria de Segurança Pública, Bruxo tinha mandado de prisão em aberto por homicídios e fuga do sistema prisional. Segundo a polícia, ele integrava uma facção criminosa e era considerado o "terror" do bairro da Liberdade, em Salvador, onde atuava.
    De acordo com informações divulgadas pela polícia, durante incursão realizada em um imóvel, Bruno reagiu a chegada dos policiais efetuando disparos. Ele foi baleado na troca de tiros, socorrido para o Hospital Geral Menandro de Faria, onde a morte foi constatada. Conforme a polícia, Bruxo seria responsável por pelo menos 30 assassinatos. /Por: Reprodução

    Escrito por folha

    Seu Portal informativo, aqui você bem informado.



      Comentário do Google+
      Cometários do Facebook

    0 comments:

    Post a Comment