Olavo critica ministros do STF após consideração de homofobia como racismo


    A pós, por 8 votos a 3, o Supremo Tribunal Federal (STF) decidiu utilizar a legislação de crimes de racismo para punir homofobia e transfobia, o escritor Olavo de Carvalho, ideólogo do governo Bolsonaro, afirmou que os ministros são desqualificados intelectualmente.
    "Na minha opinião, nenhum dos juízes do STF está qualificado intelectualmente para distinguir entre 'opinião contrária' e 'preconceito'", afirmou, por meio de um tweet, publicado nesta sexta-feira (14).
    As ações que resultaram no julgamento foram impetradas pelo antigo PPS (hoje Cidadania), pela ABGLT (Associação Brasileira de Gays, Lésbicas e Transgêneros) e pelo Grupo Gay da Bahia.
    O pensador ainda completou, convocando os ministros do STF para um debate. "Posso prová-lo se tiverem a coragem de se expor a um debate. Podem vir todos juntos", concluiu a mensagemFolhapress 

    Escrito por folha

    Seu Portal informativo, aqui você bem informado.



      Comentário do Google+
      Cometários do Facebook

    0 comments:

    Post a Comment