Músico baleado durante ação policial em Irecê deixa o HGE


    O sanfoneiro da banda cearense Sala de Reboco, Eliedelson Possidônio, 32 anos, baleado durante ação policial, no fim de semana, deixou o Hospital Geral do Estado (HGE), em Salvador, na manhã desta terça-feira (9). Ele será transferido em voo fretado para uma unidade de saúde particular de Fortaleza. 
    O músico foi atingido por um tiro na perna direita e sofreu uma fratura exposta grau três, com comprometimento vascular, na altura da canela. Ele estava internado no HGE desde o dia 6 de julho. Na ação da Polícia Militar (PM), ocorrida no dia5, outras duas pessoas também foram baleadas: a dançarina Gabriela Amorim, 25 anos, que morreu, e a cantora Joelma Rios, que já recebeu alta médica.
    A Polícia Civil informou que equipes da 14ª Coordenadoria Regional de Polícia do Interior de Irecê (14ª Coorpin) investigam o caso. A PM disse afirmou que vai apurar os fatos. O Comando de Policiamento Regional da Chapada (CPR) instaurou um Inquérito Policial Militar (IPM) para apurar as circunstâncias da ocorrência. BNews 

    Escrito por folha

    Seu Portal informativo, aqui você bem informado.



      Comentário do Google+
      Cometários do Facebook

    0 comments:

    Post a Comment