Hospital no Rio de Janeiro é atingido por incêndio e pacientes são atendidos na rua

    Um incêndio atingiu o Hospital Badim, no Maracanã, Zona Norte do Rio, no fim da tarde desta quinta-feira (12). Funcionários montaram uma espécie de hospital na Rua São Francisco Xavier, com os colchonetes e lençóis que foram jogados pelas escadas para improvisar o atendimento. Equipes de salvamento informaram à GloboNews que uma pessoa que já tinha sido retirada morreu.
    Por volta das 20h15, bombeiros informaram que o fogo tinha sido controlado. Muitos pacientes, entre eles vários idosos, seguiam sendo transferidos ainda.
    De acordo com a direção do hospital, a principal suspeita é que houve um curto-circuito no gerador do prédio 1, espalhando fumaça para todos os andares do prédio antigo.
    Ainda segundo a direção, os pacientes do CTI 1 foram retirados e estavam recebendo os primeiros atendimentos na rua Arthur Menezes por volta das 19h30. Os pacientes do CTI 2, que tem 20 leitos, também estavam sendo retirados.
    “Toda a direção do Hospital Badim está empenhada em prestar os devidos socorros necessários aos pacientes, que estão sendo transferidos para o Hospital Israelita Albert Sabin e para os hospitais da Rede D’Or, do qual o Badim é associado”, diz trecho da nota.
    Fachada do Hospital Badim, no Maracanã, após incêndio na unidade. — Foto: Reprodução/Redes Sociais Fachada do Hospital Badim, no Maracanã, após incêndio na unidade. — Foto: Reprodução/Redes Sociais
    Fachada do Hospital Badim, no Maracanã, após incêndio na unidade. — Foto: Reprodução/Redes Sociais
    Segundo moradores, pacientes e funcionários começaram a sair da unidade de saúde por volta das 18h30.
    O dono da creche que fica ao lado do hospital contou que, inicialmente, os pacientes que têm quadro de saúde mais grave foram levados para a unidade escolar.
    Por volta das 18h40, os pacientes estavam sendo transferidos do prédio antigo para o novo. Também aconteciam atendimentos em uma creche vizinha à unidade.
    Bombeiros atuavam no local com os quartéis da Tijuca e Vila Isabel. Eles usavam carros de combate à incêndio e ambulâncias. Não havia informações de feridos por volta das 19h. Era possível ver, entretanto, uma grande movimentação de macas e funcionários do hospital correndo.
    Cinco viaturas do 6º BPM (Tijuca) estavam no local ajudando o trabalho dos Bombeiros.
    *G1

    Escrito por folha

    Seu Portal informativo, aqui você bem informado.



      Comentário do Google+
      Cometários do Facebook

    0 comments:

    Post a Comment