Vereadora repudia motorista que arrastou cachorra doente pela rua e cobra punição


    A vereadora Marcelle Moraes repudiou a ação de maus-tratos de um motorista que arrastou a própria cachorra pelas ruas de Lagarto, Centro-Sul de Sergipe, à caminho da clínica veterinária para uma sessão de quimioterapia. As imagens chocantes mostram a coleira do animal presa na porta do veículo. 
    Marcelle cobra das autoridades sergipanas uma punição rigorosa sobre a atitude do tutor do animal, uma vez que, a legislação vigente garante a penalidade sobre esse tipo de conduta. 
    “Está muito claro mau-trato, mais do que isso, a ironia e falta de compaixão desse homem ao rir de um bicho indefeso e doente. Não é possível que não haja nenhum tipo de condenação com essa atitude asquerosa, não se faz isso com ninguém, muito menos com um animal. Ele tem que sentir as consequências dos atos”, bradou Marcelle. 
    Marcelle pede também mobilização das ONG’s protetoras que consigam retirar a cachorra da tutela do homem. “Imagine quais as situações que o animal é submetido e que ninguém vê, é preciso unir forças e resgatar o quanto antes essa vítima”. 
    De acordo com a Lei 9.605/98, o abuso e maus-tratos de animais são crimes sujeitos às penalidades de acordo com a gravidade.  As denúncias de abandonos e maus-tratos aos animais podem ser feitas por meio de registro de Boletim de Ocorrência na Delegacia de Polícia ou através do 190.  / Por: Reprodução 

    Escrito por folha

    Seu Portal informativo, aqui você bem informado.



      Comentário do Google+
      Cometários do Facebook

    0 comments:

    Post a Comment