Além de Sara Winter, ministro do STF manda prender mais cinco em inquérito sobre atos antidemocráticos


    A operação policial que prendeu preventivamente Sara Winter, do grupo "300 do Brasil", na manhã desta segunda-feira (15) também envolve mais cinco mandados de prisão. 
    De acordo com informações do jornal Folha de São Paulo, os demais alvos dos pedido ainda não tiveram seus nomes divulgados.

    A ação realizada pela Polícia Federal é fruto de uma decisão do ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Alexandre de Moraes, no âmbito do inquérito que investiga protestos antidemocráticos. 

    Após ser presa, Winter foi levada para a superintendência da corporação em Brasília. Na noite de sábado (13), integrantes dos "300 do Brasil" explodiram fogos de artifício em direção a sede do Supremo. A pedido do presidente do tribunal, Dias Toffoli, a Procuradoria-Geral da República abriu investigação para identificar e responsabilizar os autores do episódio. / Por: Redação BNews
      Comentário do Google+
      Cometários do Facebook

    0 comentários:

    Post a Comment