Covid-19: Taxa de ocupação de UTIs públicas de Sergipe chega a 76,5%


    O início da primeira fase do plano de retomada da economia em Sergipe, nesta segunda-feira (29), vem acompanhada de aumento na ocupação de leitos destinados a pacientes diagnosticados com covid-19 nos hospitais do estado, diferente do que esperava o governador Belivaldo Chagas (PSD).
    Dados mais recentes da Secretaria de Estado da Saúde (SES), neste domingo (28), demonstram que a rede pública tem 76,5% dos leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) ocupados, uma diferença de 14.2% em relação a última segunda-feira (22).
    Ao todo, 608 pessoas estão internadas em unidades hospitalares em Sergipe. A elevação é o reflexo do crescente número de casos confirmados da doença que já somam 24.421 e 620 mortes no estado. Além disso, o índice de isolamento social, considerado como medida para conter avanço da curva de contágio do vírus, continua oscilando entre 42%, considerado baixo.
    Em relação ao Hospital de Urgência de Sergipe (Huse), no bairro Capucho, região Oeste de Aracaju, o maior do estado, continua com todos os 28 leitos de UTI ocupados. Já o Hospital Universitário de Sergipe (HU-SE), no bairro Santo Antônio, Zona Norte da capital, só possui um leito disponível, dos 14 aptos a receber pacientes graves com a doença.
    A UTI pública do Hospital Cirurgia, no Centro de Aracaju, e o Hospital Universitário de Lagarto (HUL) possuem 95% de taxa de ocupação, com 19 dos 20 leitos, em cada unidade, em uso. Já os leitos dos SUS do Hospital do Coração, Centro da capital sergipana, já alcançou o total da sua capacidade de atendimento a pacientes graves com covid-19.
    Na rede privada, todos os seis hospitais listados pela SES estão acima dos 75% de ocupação, sendo que três já extrapolaram os 100% e precisaram disponibilizar leitos de retaguarda para atender a demanda. O Hospital São Lucas, região Sul de
    Aracaju, é o que está em pior situação. A unidade disponibilizou, inicialmente, 26 leitos de UTI, e até este domingo, já tinha ampliado para 39, o que representa 150% de ocupação.
    Ainda segundo a SES, a rede particular de Saúde possui 118,2% de UTIs ocupadas com 115 pacientes. A enfermaria com 139 pacientes internados está com 139 dos 125 leitos, inicialmente disponibilizados, ocupados representando uma taxa de 111,2%.
    A fase Laranja do Plano de Retomada Econômica, anunciada pelo governador de Sergipe, Belivaldo Chagas (PSD), reabriu consultórios e alguns setores do comércio. A Grande Aracaju possui restrições. Nova reunião entre os comitês governamentais que avaliam a situação da pandemia em Sergipe definirá se reabertura do comércio avança ou não. / Por: GovSE  Por: Dhenef Andrade, AjuNews
      Comentário do Google+
      Cometários do Facebook

    0 comentários:

    Post a Comment