General porta-voz de Bolsonaro pode deixar o governo


    As mudanças na comunicação do governo, além da recriação do Ministério das Comunicações, incluem a saída do general Otávio Rêgo Barros do cargo de porta-voz. 
    De acordo com o colunista Lauro Jardim, do jornal O Globo, o anúncio oficial deve demorar cerca de duas semanas.
    Segundo o colunista, o general nunca teve boa relação com Fabio Wajngarten, chefe da Secom e praticamente sumiu do Palácio do Planalto nos últimos meses.
    O Ministério das Comunicações foi recriado e entregue ao centrão. Será comandado por Fábio Faria (PSD), genro de Silvio Santos. / Por: Redação BNews
      Comentário do Google+
      Cometários do Facebook

    0 comentários:

    Post a Comment