Neto volta a criticar bancários: “é uma vergonha, não adianta ficar na zona de conforto”


    O prefeito de Salvador ACM Neto voltou a criticar a atitude dos bancários em meio à crise econômica provocada pelo coronavírus. Neto considerou como “uma vergonha” a falta de crédito para os empresários. 
    “É uma vergonha. Continua sendo. Eu disse a eles que me procuraram depois das críticas: Não adianta ficar na zona de conforto e de braços cruzados achando que o problema é com o outro. O problema é de todos. O empresário que entrou na crise, mas sempre cumpriu com as obrigações não pode ter negado o acesso a recursos. É preciso que o dinheiro chegue na ponta, não está chegando”, disse, nesta sexta-feira (5), durante coletiva virtual.
    O gestor também criticou o Congresso Nacional e o governo federal. “Jjuntem banco, congresso e governo para definir linhas de créditos. Fica o meu apelo, mas tenho sido pouco ouvido. Acho que o congresso e o governo estão de braços cruzados para fazer o dinheiro chegar ao pequeno, ao empreendedor sério. Não sabemos ainda qual o fundo do poço, mas vamos sair. Mas isso não vai acontecer sem recursos na ponta para quem empreende”, apelou o prefeito. /Por: Arquivo / BNews 
     
      Comentário do Google+
      Cometários do Facebook

    0 comentários:

    Post a Comment