Prada lança sandália de couro semelhante à nordestina e é acusada de apropriação cultural


    O mais recente lançamento da Prada, as leather sandals” (sandálias de couro), tem causado barulho nas redes sociais, em razão da semelhança com as sandálias típicas da cultura nordestina. O produto faz parte da coleção de meia-estação da marca italiana e tem valor de R$ 4,4 mil.
    Feita de couro de bezerro, com ferragem dourada, fechamento por fivela, bico arredondado e solado flat de borracha, a sandália da Prada está à venda no Brasil por meio da Farfetch, e pode ser parcelada em até 12 vezes.
    No entanto, a polêmica está forte nas redes sociais. A maioria dos comentários fala sobre o Nordeste como o principal local de produção e venda de sandálias como as lançadas pela Prada.
    Por causa do lançamento, a marca tem sido acusada de apropriação cultural. “Do Nordeste do Brasil para as vitrines da Prada”,"É a cara do Nordeste do Brasil. Ou melhor, feira de Caruaru” e “Estética do Cangaço não é Prada? Te entendo! Apaixonante mesmo. Nordeste brasileiro encantador” foram alguns dos comentários sobre o novo produto da grife.
    Após a repercussão ganhar corpo, a Prada apagou a postagem da sandália do Instagram, mas manteve o anúncio de lançamento no perfil do Twitter (veja abaixo).      Por: Reprodução/Twitter  Por: Yasmin Garrido
    Veja:   

      Comentário do Google+
      Cometários do Facebook

    0 comentários:

    Post a Comment