Grupos pró e contra Bolsonaro fazem "guerra" política através de outdoors


    Na cidade de Sete Lagos, com aproximadamente 240 mil habitantes e distante 72 Km de Belo Horizonte, a briga entre apoiadores e adversários do presidente Jair Bolsonaro acontece através de outdoors. 
    Segundo informações do Estadão, a guerra teve início no dia 8 de julho, quando um grupo formado por empresários resolveu espalhar em pelo menos sete ruas e avenidas, as placas com a frase "7 Lagoas apoia Bolsonaro". Rapidamente o episódio ganhou as redes sociais.
    A resposta do grupo adversário veio quatro dias depois através de uma postagem na internet. Nela, um outdoor diz "7 Lagoas tá c* e andando pro Bolsonaro", além do lema do governo federal. "Brasil acima de tudo, Deus acima de todos". 
    Ainda de acordo com informações do Estadão, na semana passada, os opositores do presidente na cidade mandaram colocar um outdoor na cidade, citando os dois episódios em que Bolsonaro foi bicado por emas nos jardins do Palácio do Planalto. "7 Lagoas apoia a ema que bicou Bolsonaro". O outdoor tinha ainda frases ditas pelo presidente ao longo da pandemia, como "e daí"?, "quer que eu faça o que?" e "não sou coveiro".
    Segundo o presidente da Câmara dos Dirigentes Lojistas (CDL) de Sete Lagoas, Geraldir Carvalho Alves, a iniciativa de colocar os outdoors pró-Bolsonaro partiu de comerciantes independentes. "A entidade não tem partido. Temos gente a favor e contra o presidente, mas a CDL tem que ser imparcial." 
    O Estadão tentou falar com os autores das peças publicitárias contra o presidente, mas não teve êxito. 
    O preço para colocação de um outdoor na cidade é de R$ 120 para impressão do material e R$ 270 por 15 dias de veiculação da peça.  /Por: Divulgação 
      Comentário do Google+
      Cometários do Facebook

    0 comentários:

    Post a Comment