Maia pede que Senado retome discussão da reforma tributária


    O presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), disse nesta quinta-feira (16) que pediu ao presidente do Senado, Davi Alcolumbre (DEM-AP), para considerar a retomada das discussões da reforma tributária no Congresso. Segundo Maia, a pressão não é da Câmara, mas da sociedade.
    Em fevereiro, Câmara e Senado instalaram uma comissão mista para unificar os projetos que tramitam nas duas casas. No entanto, em razão da pandemia do novo coronavírus, os trabalhos não avançaram. Maia tem defendido que a discussão avance neste semestre, entre outros motivos, para ajudar na recuperação da economia.
    A reforma é considerada uma pauta prioritária pela equipe econômica. O presidente da Câmara argumentou que o ideal seria fazer as discussões junto com os senadores. Mas, segundo ele, Alcolumbre sinalizou que não teria condições de discutir o tema no momento, por causa da crise da pandemia.
    A simplificação da cobrança de impostos é considerada por especialistas como fundamental para a retomada do crescimento econômico. Analistas e investidores reclamam do elevado número de tributos e da complexidade do sistema tributário brasileiro, e avaliam que isso afasta investimentos. / Por: Luís Macêdo/Câmara dos Deputados 
      Comentário do Google+
      Cometários do Facebook

    0 comentários:

    Post a Comment