Argentina congela tarifas de internet, celular e TV paga


    O governo argentino anunciou a publicação de um decreto que congela as tarifas dos serviços de telefonia móvel e fixa, TV paga e internet até o dia 31 de dezembro. O presidente da Argentina, Alberto Fernández, utilizou o seu Twitter na noite de sexta-feira (21) para declarar os serviços públicos. 
    "Decidimos declarar estes serviços como públicos. Dessa maneira, garantimos acesso para todos (...) Diante das restrições que a pandemia impõe, ninguém deverá resignar parte dos seus rendimentos para cobrir aumentos nos preços dos serviços", escreveu o mandatário.
    De acordo com o presidente, a medida foi estabelecida para que o Estado consiga se recuperar dos instrumentos regulatórios que "o governo anterior, de Mauricio Macri, tirou". Ele também lembrou que o direito do consumidor é garantido pela Constituição argentina e que não haverá aumento sem uma prévia aprovação.
    "A educação, o acesso ao conhecimento, a cultura e a comunicação são direitos básicos que devemos preservar. Por isso, temos ordenado que daqui em diante haja planos inclusivos de prestação básica, universal e obrigatória para quem menos tem", completou. / Por: Redação Bnews 


      Comentário do Google+
      Cometários do Facebook

    0 comentários:

    Post a Comment