Arrascaeta marca, Flamengo bate Coritiba e vence a primeira no Brasileiro



    O Flamengo deixou a ressaca pela despedida do lateral-direito Rafinha de lado e, contra o Coritiba, no Couto Pereira, conquistou neste sábado (15) os primeiros três pontos nesta edição do Campeonato Brasileiro - ganhou por 1 a 0, com gol de Arrascaeta. 
    Esta também foi a primeira vitória do técnico Domènec Torrent, que disputou três partidas no comando do rubro-negro até aqui. O Coxa, por outro lado, segue sem vencer na competição e vê a pressão da torcida aumentar.
    Na próxima rodada, o Coritiba encara o Corinthians, na Arena, enquanto o Flamengo recebe o Grêmio, no Maracanã. Ambos os jogos vão acontecer na quarta-feira.
    JOGO
    A partida começou com o time do técnico Eduardo Barroca pressionando a saída de bola do Flamengo e com maior presença no campo de ataque. O Rubro-Negro, por sua vez, apresentava dificuldade para avançar.

    Aos poucos, a equipe do Flamengo foi apresentando melhora e o jogo "mudou de mãos", com o Coritiba mais acuado. A partir daí, teve chances e uma das mais claras foi com Gabigol, que viu Wilson fazer grande defesa. Pouco depois, Arrascaeta chutou de fora, a bola desviou em Sabino e carimbou o travessão.
    Arrascaeta foi o autor do primeiro gol da equipe de Domènec neste Brasileiro. Aos 27 minutos do primeiro tempo, ele aproveitou bola na área, após passe de Bruno Henrique, e abriu o placar.
    O Coritiba ainda tentou implementar uma saída mais veloz para aproveitar os espaços deixados no fim do primeiro tempo, mas não obteve sucesso.
    O começo do segundo reservou um jogo "mascado", com muitas faltas para ambos os lados. O Coritiba buscava ser mais vertical nos avanços ao ataque, mas esbarrava nos erros de passe.
    Atrás no placar, a situação do Coxa ficou pior a partir dos 11 minutos da etapa final, quando Renê Júnior foi expulso.
    Com um a mais, o Flamengo conseguiu impor o ritmo do jogo, enquanto o time da casa apostava no contra-ataque.
    Com o jogo aproximando-se da reta final, quase acontece o empate. Depois de jogada pela esquerda, Léo Pereira tenta afastar, mas a bola pega em Sassá e vai no cantinho, mas pega no pé da trave.

    GABIGOL
    Substituído aos 33 minutos do segundo tempo, Gabigol, novamente, saiu de campo sem balançar a rede. Ele está há seis jogos sem marcar. Última vez que a plaquinha do "Hoje tem gol do Gabigol" pôde ser usada, foi contra o Barcelona de Guayaquil, do Equador, pela Libertadores, no dia 11 de março.

    FICHA TÉCNICA 
    CORITIBA 0 X 1 FLAMENGO

    Local: Estádio Couto Pereira, em Curitiba (PR) 
    Data/Hora: 15 de agosto de 2020, às 19h30 (horário de Brasília) 

    Árbitro: Rodrigo Dalonso Ferreira (SC) 
    Assistentes: Kleber Lucio Gil (SC) e Helton Nunes (SC) 
    VAR: Caio Max Augusto Vieira (RN) 

    Cartões amarelos: Jonathan, Renê Júnior, Nathan Silva, Ruy (COR); Gérson, Bruno Henrique, Diego (FLA) 
    Cartões vermelhos: Renê Júnior (COR) 
    Gols: Arrascaeta, 27 minutos do primeiro tempo (FLA)

    CORITIBA: Wilson; Jonathan, Rodolfo, Sabino e William Matheus; Nathan Silva (Ruy), Matheus Galdezani e Renê Júnior; Yan Sasse (Neilton), Robson (Sassá) e Igor Jesus (Matheus Bueno). Técnico: Eduardo Barroca.
    FLAMENGO: César; João Lucas, Rodrigo Caio, Léo Pereira e Filipe Luís; Willian Arão, Gerson, Éverton Ribeiro e Arrascaeta; Bruno Henrique (Pedro) e Gabigol (Diego). Técnico: Domènec Torrent.  / Por: FramePhoto/Folhapress
      Comentário do Google+
      Cometários do Facebook

    0 comentários:

    Post a Comment