CNJ regulamente atendimento virtual em tribunais do país; medida é adotada pelo TJ-BA desde julho


    O Conselho Nacional de Justiça (CNJ) publicou no início deste mês uma recomendação que orienta a regulamentação dos atendimentos virtuais em tribunais brasileiros durante o período da pandemia da Covid-19. 
    O documento publicado prevê que “as audiências deverão obedecer à agenda do magistrado, com estipulação de horário suficiente a prestigiar e garantir o diálogo direto entre o membro do Poder Judiciário e as partes ou seus patronos”.
    Possibilitando o atendimento aos advogados, às partes, aos procuradores, defensores públicos, membros do Ministério Público e da Polícia Judiciária, a medida visa dar prosseguimento aos casos apesar da crise. 
    Na Bahia, a ação não é novidade, visto que o Poder Judiciário regulamentou o sistema de atendimento virtual desde o início do mês de julho. /Por: Divulgação/TJ-BA
      Comentário do Google+
      Cometários do Facebook

    0 comentários:

    Post a Comment