Após denúncias, SSP cria força-tarefa para apurar suposta cobrança de pedágios a comerciantes do Lobato


    A pós denúncias de que uma suposta milícia cobra “pedágios” de comerciantes na região do Lobato, em Salvador, a Secretaria de Segurança Pública da Bahia (SSP-BA), instaurou uma força-tarefa para apurar a prática ilegal. Os "pedágios" são taxas cobradas por grupos criminosos a donos de estabelecimentos comerciais, em troca de uma suposta segurança, no valor de R$ 100,00 por semana.
    De acordo com o coronel Anselmo Brandão em entrevista à TV Bahia, providências já foram tomadas pelas companhias de polícia da área. Ainda conforme Brandão, duas pessoas foram presas pela prática do crime e outros suspeitos já foram identificados. Há a confirmação também de que pessoas morreram porque se recusaram a pagar o pedágio. O caso está sendo apurado.  
    Coronel Anselmo Brandão disse, também, que a força-tarefa criada é integrada pela Polícia Civil, e que as instituições contam com o apoio de outros órgãos. Não há registro da prática em outras localidades da cidade e do estado.  / Por: Redação BNews

      Comentário do Google+
      Cometários do Facebook

    0 comentários:

    Post a Comment