Flordelis é intimada a colocar tornozeleira eletrônica, e tem até quinta para se apresentar


     A deputada federal Flordelis (PSD-RJ) foi intimada na noite desta terça-feira (6) a se apresentar, em até 48 horas, na Secretaria de Administração Penitenciária do Rio de Janeiro (Seap-RJ) para colocar a tornozeleira eletrônica.

    A parlamentar é acusada de ser a mandante do assassinado do próprio marido, o pastor Anderson do Carmo, em junho do ano passado. No último dia 24 de setembro, a também pastora e cantora gospel virou ré por cinco crimes relacionados ao caso, dentre eles homicídio triplamente qualificado e associação criminosa.

    A deputada, no entanto, não pôde ser presa, por ter imunidade parlamentar. Sete filhos e uma neta de Flordelis também viraram réus por envolvimento no crime, e estão custodiados. 

    A parlamentar foi intimada por oficiais de justiça em sua casa, por volta das 19h - fora do horário do expediente do Tribunal de Justiça do Rio (TJ-RJ). Ela tem, portanto, até as 19h desta quinta-feira (8) para se apresentar para que o equipamento seja instalado.  / Por: Câmara dos Deputados  Por: Redação BNews 

      Comentário do Google+
      Cometários do Facebook

    0 comentários:

    Post a Comment