Operação Batedor: policiais suspeitos de envolvimento em extorsões se apresentam à Corregedoria


     Três policiais militares acusados de participação em um grupo de extorsão se apresentaram, na noite desta segunda-feira (26), à Corregedoria da Polícia Militar, no bairro de Amaralina, em Salvador. Com a prisão do trio, a “Operação Batedor”, que cumpriu seis mandados de prisão contra policiais militares e um homem (não policial), foi finalizada. A informação é da Secretaria de Segurança Pública da Bahia (SSP-BA). 


    O grupo lotado na 14ª Companhia Independente da PM (Lobato) é acusado de, mediante sequestro, extorquir pessoas suspeitas de crimes e familiares. De acordo com as investigações, que duraram cerca de três meses, uma marina localizada na Cidade Baixa era utilizada para prender as vítimas até a liberação da quantia exigida pelo grupo.

    Com as prisões de ontem à noite chega a dez o número de capturados na operação, que teve a participação das Corregedorias da Secretaria da Segurança Pública, da PMBA e da Polícia Civil, dos Departamentos de Polícia do Interior (Depin) e de Inteligência (DIP), da Coordenação de Operações Especiais da Polícia Civil, além do Departamento de Polícia Técnica. /Por: Divulgação/ SSP-BA 
      Comentário do Google+
      Cometários do Facebook

    0 comentários:

    Post a Comment