"Não podemos ter áreas ociosas em Salvador", diz Rui Costa ao defender venda do Parque de Exposições


     O governador da Bahia, Rui Costa (PT), voltou a defender, na manhã desta terça-feira, 3, a venda de equipamentos públicos, a exemplo do Parque de Exposições, Centro de Convenções do Estado, terreno do Detran e da rodoviária, ambos na região do Iguatemi, em entrevista para rádio Itapoan FM.

    O governador falou que realiza obras no estado buscando, além do benefício da construção do equipamento ou requalificação de espaços e vias, gerar emprego. Ele lembra que Salvador, durante anos, concorre com Recife pelo título negativo de capital do desemprego.  

    “Não podemos ter áreas ociosas em Salvador; áreas gigantesca como é a do Parque de Exposições. Quantas vezes tem eventos nele? Uma, duas, três vezes por ano? Como pode um área de mais de 400 mil metros, junto da estação de metrô e não gerar emprego para população desempregado de Salvador. Publicamos um edital para fazer o chamamento público, ainda não é edital da venda”, explicou Costa.

    O governador pontuou que o edital para fazer o chamamento público busca atrair investidores do Brasil e do mundo para compra dos equipamentos.  /BNews  Por: Raul Aguilar

      Comentário do Google+
      Cometários do Facebook

    0 comentários:

    Post a Comment